Archive for the ‘Mantra’ Category

Guru Júpiter

29 de abril de 2015

Om Gum Gurubhyo Namaha

Saudações àquele que dissipa as trevas da ignorância e todos os seus obstáculos.

Obrigado, obrigado, obrigado.

Mãe Divina

24 de abril de 2015

Obrigado, obrigado, obrigado.

Humee Hum Brahm Hum

22 de abril de 2015

Humee Hum Brahm Hum

Nós Somos. Nós Somos Deus.

 

Através de toda a história humana, as pessoas têm procurado uma forma de cristalizar o Ser. Diante da profundidade e mistérios do nosso Ser podemos agir com dignidade, integridade e criatividade. Quando começamos a cristalizar o Ser, começamos a identificar e separar o nosso ego do nosso Ser. Isso se dá através da abertura de nosso centro do coração. Abrir o centro do coração é a chave, o ponto culminante desta primeira jornada.
Há muitos mantras que trabalham o centro de coração, Humee Hum Brahm Hum é um deles. O som Hum, e o som Hu são utilizados em diversas tradições de sabedoria. O Humee Hum é a percepção do Ser, adquirida em conexão com outras pessoas, coisas e pensamentos acerca do nosso Ser. Siginifica Nós Somos. Ele afirma nossa total interconexão, como partes conectadas do Todo. Brahm Hum é o aspecto mais sutil do nosso Ser. É o testemunho criativo e sem forma em nós. É a parte da nossa existência que não pode ser atingida através da racionalidade. É a realidade inefável do nosso Ser. Combinados, os sons são como uma batida do nosso coração. O fluxo e a forma energética desses sons trabalham o centro do coração, o centro do umbigo, o centro da garganta e testa simultaneamente. O mantra traz a experiência do Ser a um ponto de total presença em seu corpo e mente. Todas as emoções e sentimentos são percebidos através da observação consciente. Um espaço se abre, damos um passo atrás e nos distanciamos das emoções e sentimentos. O espaço pode então ser preenchido pela compaixão, que começa com a compaixão pelo seu Ser que permite a Sua total Presença; todas as partes que você reconhece e todas as que você não reconhece. É por isso que a abertura do centro do coração é o primeiro passo para realização do ser humano completo.

Sente-se em uma postura meditativa.
Feche os olhos e concentre-se do ponto entre as sobrancelhas.
Cruze as mãos, direita sobre a esquerda, sobre o centro do coração, no centro do peito.
Sinta o seu coração bater.
Mantenha o peito erguido ligeiramente.
Cante o mantra em voz alta, sozinho ou acompanhando uma versão musical.

Cristalize o seu Ser; dê boas vindas ao desconhecido infinito de seu Ser, sincronize-o com todas as ações, pensamentos e células; você medita consciente de todas as sensações, ciente de que você está ciente; ciente de que você está presente e observando; ciente de tudo que flui através de você; consciente de tudo que está criado e criando nestes momentos; ciente de que seus pensamentos, atos e sentimentos criam ondulações no infinito e na eternidade. Perante a simplicidade e vastidão, sinta humildade, alegria, contentamento e consciência. Pratique com a mente alerta, e o coração repleto, abençoando a tudo e a todos. Abençoe-se, abençoe amigos e inimigos, abençoe tudo que é conhecido e tudo que é desconhecido. Seja claro, cristalino.

Continue por 11 minutos. Com a prática, você pode estender isso para 31 minutos. Para terminar, inspire profundamente, suspenda a respiração, e pressione as mãos firmemente no peito. Expire em um golpe poderoso através da boca. Repita isso três vezes.

Em seguida apenas relaxe profundamente.

0007-CrownChakra-large

Fonte:
http://www.yogachicago.com/sep11/gurucharan.shtml

Obrigado, obrigado, obrigado

Om Sarvesham Svastir Bhavatu

17 de abril de 2015
.
.
Que todos tenham bem-estar.
Que todos tenham a paz.
Que todos encontrem a perfeição.
Que todos sejam felizes.
Que todos tenham saúde.
Que todos tenham boa sorte e que ninguém tenha que sofrer.
.
.
Om Sarvesham Svastir Bhavatu
Sarvesham Shantir Bhavatu
Sarvesham Purnam Bhavatu
Sarvesham Mangalam Bhavatu
Om Sarve Bhavanthu Sukhinah
Sarve Shantu Niraamayaah
Sarve Badrani Pashyantu
Ma Kaschi Dukha Bhaag Bhavet
.
.

.
.
Obrigado, obrigado, obrigado.

Ong So Hung

16 de abril de 2015

Eu Sou Paz
Eu Sou um com o Criador
Eu Sou

Obrigado, obrigado, obrigado

Gayatri Sai Baba

18 de dezembro de 2013

Obrigado, Obrigado, Obrigado.

Children Beyond

1 de dezembro de 2013

Om Sarvesham Svastir Bhavatu
Sarvesham Shantir Bhavatu
Sarvesham Purnam Bhavatu
Sarvesham Mangalam Bhavatu
Om Sarve Bhavanthu Sukhinah
Sarve Shantu Niraamayaah
Sarve Badrani Pashyantu
Ma Kaschi Dukha Bhaag Bhavet

Que todos tenham bem-estar.
Que todos tenham a paz.
Que todos encontrem a perfeição.
Que todos sejam felizes.
Que todos tenham saúde.
Que todos tenham boa sorte e que ninguém tenha que sofrer.

Obrigado, Obrigado, Obrigado.

Namo Quan Shih Yin Pu Sa

1 de dezembro de 2013

kuan-yin-2

Senhora amorosa, do centro do Lótus Dourado, Senhora divina das 108 faces de salvação, trazei-me (ou para quem se deseja curar) a cura e o perdão. Derrama tuas bênçãos de misericórdia e teu balsamo das mil curas sobre a causa do sofrimento. Cicatriza e regenera suas conseqüências para que eu (ou outrem) fique mais saudável que antes, mais sábio, iluminado, grato e equilibrado para não voltar a sofrer e adoecer. Remove Senhora das muitas espadas, meus medos e bloqueios, traz-me os curadores, os remédios e a capacidade de me curar. Dá-me a alegria de sentir tua luz e tua mão a me guiar. OM MANI PADME HUM. Que por toda eternidade sejam muitos a te louvar.

Senhora da Lótus Sagrado, luz da compaixão que ouve os prantos do mundo.
Traz tua luz e amor para esta terra, para mim e para todos, em todos os planos habitados.
Fazei desabrochar a flor da criação perfeita e guiai-me, fazendo com que eu seja sempre emissário da luz.
Proteção,saúde, carinho e prosperidade, sob teu raio púrpura eu sempre terei.

Bem Amada Quan Yin Invoco Tua soberana Luz
Divina Joia do Lótus Sagrado,
Habitai meu Coração.
Divina Deusa do Amor,
Resplandece Tua Divina luz em meu caminho,
Ilumina meus passos Bem Amada Mãe de Misericórdia.

Sagrada Mensageira da Compaixão Divina,
Despertai Tua Divina Luz em meu coração.
Transforma meu mundo com Tua Divina Benção.
Compadece-te de mim Divina Mãe.

Divina Joia do Lótus Fazei de mim instrumento de Tua Compaixão.
Que vossa Divina Misericórdia,
Resplandeça em meu coração hoje e sempre.
Divina Mãe Quan Yin Eu reverencio Tua Divina Compaixão,
Que flui em meu coração na forma Da Divina e Eterna Canção:

OM MANI PADME HUM
OM MANI PADME HUM
OM MANI PADME HUM
OM, OM, OM

Bem-Amada Quan Yin,
apelo em favor da expansão da Luz Interna de cada coração Humano.

Apelo, também, pelas Forças da Luz
e dos Seres orientadores dos Raios Divinos
que fluem do universo à nossa Terra.

Abençoai e protegei a Chama existente no coração
de cada ser vivente e trazei-a ao seu desabrochar.

Fomentai o progresso e a Paz sobre a Terra
e envolvei cada filho do homem
em um resplandecente Manto de Luz.

Preenchei-o com as poderosas irradiações das Chamas,
para que as características divinas
se expandam em cada indivíduo.

Que assim seja, pois eu falo em nome de Deus Eu Sou.

Obrigado, Obrigado, Obrigado

Beyond

10 de abril de 2013

Nada dura para sempre.
Ninguém vive para sempre.
Uma flor que se desvanece e morre, passa o inverno e a primavera vem.
Abrace o ciclo da vida, que é o amor maior.

Vá além do medo. Vá além do medo …
Ir além do medo leva você para o lugar onde o amor cresce.
Quando você se recusa a seguir os impulsos de medo, raiva e vingança.
Ir além significa sentir-se a si mesmo.
Comece cada dia cantando como os pássaros. Cantar leva-o além … além … além … além …

Precisamos de uma disciplina repetida, uma verdadeira formação para
abandonar os nossos velhos hábitos da mente e para encontrar e manter uma nova maneira de ver.
Ir além dos direitos e das injustiças.
A oração limpa a mente e traz de volta a paz para a alma.
Vá além para sentir a Unicidade da Unidade.
Cante, cantar leva-o além … além … além … além …

Somos todos iguais, todos iguais.
Olhando para encontrar o caminho de volta à Fonte, ao Um, ao Único.
Vá além da vingança.
O maior momento de nossas vidas é quando nos permitimos ensinar uns aos outros.
Vá além para sentir a Unicidade da Unidade.
Cantar, cantar leva-o além … além … além … além …

Faça a viagem, faça a viagem para dentro de você para tornar-se calmo, para ouvir o além.
Para tornar-se paciente a receber o além.
Para tornar-se aberto a convidar o além e seja grato, seja grato e permita-se ir além.
Esteja no momento presente para viver no além.
Comece cada dia cantando como os pássaros. Cantar leva-o além … além … além

O que o amor tem a ver com isso?
O amor cresce quando você confia.
Quando você confia, o amor cura e renova.
O amor nos inspira e nos dá poder para fazer grandes coisas.
E nos torna pessoas melhores para amar.
O amor nos faz sentir seguros e nos aproxima de Deus.
Quando você vai além é onde você vai encontrar o amor verdadeiro.
Continue cantando, cantar leva-o além … além … além …

Obrigado, Obrigado, Obrigado

Chidananda

8 de abril de 2013

Eu não sou mente, nem intelecto, nem ego.
Nem os reflexos do eu interior.
Eu não sou os cinco sentidos.
Eu sou além disso.
Eu não sou éter, nem a terra.
Nem fogo nem vento.
Eu sou de fato,
O conhecimento eterno, felicidade e bem aventurança, Shiva.
Amor e consciência pura.

Também não posso ser denominado como energia.
Nem os cinco tipos de respiração.
Nem as sete essências materiais.
Nem os cinco invólucros.
Também não sou os cinco tipos de eliminação,
reprodução, locomoção, compreensão ou expressão.
Eu sou de fato,
O conhecimento eterno, felicidade e bem aventurança, Shiva.
Amor e consciência pura.

Eu não tenho ódio ou aversão.
Nem associação ou preferência.
Nem ganância, nem ilusão.
Nem orgulho ou arrogância.
Nem sentimentos de inveja ou ciúme.
Eu não tenho obrigações, nem posses.
Nem qualquer desejo.
Nem mesmo a libertação.
Eu sou de fato,
O conhecimento eterno, felicidade e bem aventurança, Shiva.
Amor e consciência pura.

Eu não tenho mérito nem demérito.
Eu não cometo pecados nem boas ações.
Nem tenho felicidade ou tristeza.
Dor ou prazer.
Eu não preciso de mantras, lugares sagrados,
escrituras, rituais ou sacrifícios.
Eu não sou nenhuma tríade do observador ou daquele que experiencia.
O processo de observar ou experimentar.
Ou qualquer objeto sendo observado ou experienciado.
Eu sou de fato,
O conhecimento eterno, felicidade e bem aventurança, Shiva.
Amor e consciência pura.

Eu não tenho medo da morte,
como eu não tenho morte.
Eu não tenho nenhuma separação do meu verdadeiro eu,
nenhuma dúvida sobre a minha existência,
nem tenho distinção com base no nascimento.
Eu não tenho pai ou mãe,
nem tenho uma origem.
Eu não sou o parente.
Nem o amigo.
Nem o guru.
Nem o discípulo.
Eu sou de fato,
O conhecimento eterno, felicidade e bem aventurança, Shiva.
Amor e consciência pura.

Eu sou onipresente.
Eu sou sem quaisquer atributos,
e sem qualquer forma.
Eu não tenho apego ao mundo,
nem à liberação.
Não tenho vontade para nada
porque eu sou tudo.
Em todos os lugares,
todas as vezes.
Sempre em equilíbrio.
Eu sou de fato,
O conhecimento eterno, felicidade e bem aventurança, Shiva.
Amor e consciência pura.

Adi Sankaracaya

Obrigado, Obrigado, Obrigado.

 

 

 

Om Namah Shivaya

19 de dezembro de 2012

“Om, inclino-me perante o meu divino Ser interior”

Obrigado, Obrigado, Obrigado.

Caminhos que se cruzam (22)

17 de dezembro de 2012

Obrigado, Obrigado, Obrigado.

Mantras For Precarious Times

3 de dezembro de 2012

precarioustimes
“Mantras para tempos precários” é oferecido como um guia para a meditação diária, e inclui sete mantras escolhidos especificamente para nos apoiar nestes tempos desafiadores. Deva canta cada mantra 108 vezes, segundo a tradição védica clássica para uma prática de meditação, e cada um mantra tem um foco especial:

Om Gum Ganapatayei Namaha (Remoção de Obstáculos);
Om Shanti Om (Paz)
Om Shree Dhanvantre Namaha (Cura)
Om Namo Bhagavate Vasudevaya (Libertação)
Om Radha Krishnaya Namaha (Alegria e Felicidade)
Om Shreem Mahalakshmiyei Namaha (Abundância)
Om Kama Pujitayei Namaha (Amor Sagrado)

Cada faixa é de cerca de 7-9 minutos de duração, curto o suficiente para incentivar uma prática diária e tempo suficiente para sentir o poder do mantra.

Obrigado, Obrigado, Obrigado.

Tumi Bhaja Re Mana

25 de novembro de 2012

Oh mente (mana), minha querida amiga.
Sempre cante (Bhaja) o nome do Divino.
Sempre repita (japa) o nome de Deus.
Tú que estás em cada respiração que tenho.
Tu que és o ar que respiro.
Tu que és tudo que eu quero ver e sentir.
Tu que estás em toda parte e em todo lugar que eu vá e queira ir.
Tu que estás em cada palavra que digo.
Tu que estás no intervalo entre cada palavra.
Que Seus pensamentos preencham todo o espaço onde meus pensamentos estejam.
Que Seu Nome sempre esteja em meus lábios.
Que Sua Presença sempre esteja em meu coração.
Cante o Nome de Deus em cada inspiração e expiração, com ou sem palavras.
Que cada respiração seja de Deus.

Tumi Bhaja re mana
Tumi japa re mana
Om, shri ram jaya ram
Japa re mana

Obrigado, Obrigado, Obrigado.

Caminhos que se cruzam (20)

25 de novembro de 2012

Matemática, Música e Meditação

“Para mim, música e meditação são dois aspectos de um mesmo fenômeno. Sem a música, alguma coisa fica faltando à meditação. Sem música, a meditação fica um pouco monótona, sem vida. Sem meditação, a música é apenas barulho. Sem meditação, a música é um entretenimento. Sem música, a meditação se torna mais negativa, tende a estar orientada para a morte.Por isto a minha insistência para que música e meditação devam estar juntas. Isto acrescenta uma nova dimensão a ambas. Elas ficam mais enriquecidas. Lembre-se dos três M. O primeiro M é matemática que é a ciência pura. O segundo M é música que é arte pura. E o terceiro M é meditação que é religião pura. Onde estes três se encontram, você alcança a trindade. Minha abordagem é científica. Ainda que eu faça declarações sem lógica, eu as faço muito logicamente. Mesmo quando eu faço afirmações paradoxais, eu as faço de uma maneira lógica. Qualquer coisa que eu esteja dizendo, tem uma matemática por trás, um método, uma abordagem científica. Eu não sou uma pessoa não-científica. Minha ciência ajuda minha religião. A ciência não é o fim, mas um belo começo. Minha abordagem é artística, estética. Eu não posso ajudá-lo, a não ser que este campo de energia se torne musical. Música é arte pura. Se ela for associada com a matemática, ela se torna um instrumento tremendamente poderoso para penetrar em sua interioridade. Naturalmente, ele não será completo, a não ser com a meditação que é o pico mais alto, a mais pura religião.E nós estamos tentando criar a maior síntese. Esta é a minha trindade: matemática, música e meditação. Esta é a minha trimurti – as três faces de Deus. Você pode alcançar Deus através de uma face, mas a sua experiência de Deus não será tão rica como quando você alcança duas faces. Mas ainda estará faltando alguma coisa, a não ser que você alcance as três faces. Quando você conhece Deus como uma trindade, Quando você chega através das três dimensões, a sua experiência, o seu nirvana, a sua iluminação, será a mais rica.” Osho

Maha Mrityunjaya Mantra

13 de novembro de 2012

OM TRYAMBAKAM YAJAMAHE
SUGANDHIM PUSHTI VARDHANAM
URVA RUKAMIVA BANDHANAT
MRITYOR MUKSHIYA MAMRITAT

Este mantra mostra que estamos realmente interessados em atingir a glória da vida eterna, ao lado de Deus. Queremos realizar o que é imortal; o que está por detrás de tudo. A repetição constante deste antigo Mantra, purifica o coração e desperta a percepção ou terceiro olho, nos conduzindo a um nível de entendimento mais profundo. Também auxilia o despertar de nossas faculdades intuitivas latentes. Este Mantra é especialmente recomendado para afastar os sofrimentos em caso de doenças físicas ou emocionais.

OM TRYAMBAKAM

Três Olhos do Senhor Shiva: Brahma, Vishnu e Shiva. Mãe Shakti, Mãe divina manifestada, Saraswati, Lakshmi e Parvati. Deus Onisciente, Onipresente e Onipotente. A mais pura e profunda consciência do universo que impregna e transcende o tempo no presente, no passado e no futuro.

YAJAMAHE

Adorando com Alegria, cantamos em sua honra. Vivemos para Deus e por sua Causa.

SUGANDHIM

Doce perfume, fragrância agradável. Alegria em conhecer, enxergar e sentir a Poderosa Presença do Senhor Shiva, que nos envolve com a fragrância de Seu perfume. Quando o nosso terceiro olho desperta, tudo torna-se perfumado, porque Tudo passa a ser visto como Sagrado. Reconhecemos que Deus está no meio de nós. Autorizamos pelo nosso livre arbítrio que a Vontade Divina atue em nossas vidas.

PUSHTI VARDHANAM

O Auxílio Divino nos fortalece, nos dá Saúde, Bem Estar e Prosperidade.

URVA RUKAMIVA BANDHANAT MRITYOR MUKSHIYA

Impotente e sem forças, no sofrimento para atingir a libertação, preso no cativeiro, na armadilha da morte, das doenças e dos obstáculos materiais e espirituais.

MAAMRITAAT

Liberte-nos das amarras da morte e da ignorância, dê-nos a vida eterna.

Folcloricamente:

“Nós adoramos o ser de três olhos, (Senhor Shiva). Aquele que é perfumado e nutre a todos os seres. Que Ele nos liberte da morte, com o propósito da imortalidade. Do mesmo modo como um pepino maduro é separado da trepadeira.”

Obrigado, Obrigado, Obrigado.

Maya Fiennes Ong Namo

4 de novembro de 2012

Obrigado, Obrigado, Obrigado

Krishna Das By Your Grace

18 de outubro de 2012

Mais próximo que a respiração, você é o ar.
Mais doce do que a própria vida, você está aqui.
Eu sou um andarilho, você é a minha paz.
Eu sou um prisioneiro, você é a liberação.

Jai Gurudev
Eu sou um peregrino, em sua estrada tão longa.
Eu sou o cantor, você é a canção.
Mantido a céu aberto, muito acima.
Eu sou o amante, você é o amor.

Jai Gurudev
Eu sigo seus passos através da chama.
Tudo o que eu preciso está em Seu Nome.
Carrego seu coração no meu, vasto como o espaço.
Tudo que eu sou hoje, é por sua graça.

Por sua Graça.
Eu vivo por tua graça.

Obrigado, Obrigado, Obrigado.

Wakan Tanka – “Grande Mistério”

17 de outubro de 2012


“Lembram das curvas e pedras, a caminho do sol, na subida à montanha?
Recordam, agora e além dos tempos, das lições silenciosas do caminho sagrado?
Quando desprendidos de tudo o que pensavam, dançavam, na entrega ao Grande Coração!
Sim, os espíritos ancestrais estavam e dançavam, estão e dançam, a mesma dança!

Caminham de mãos dadas no labirinto de suas próprias vidas, pelas noites e dias.
Esperam, confiantes, o raiar, o nascer do sol, por detrás das velhas montanhas…
Sol que não nasce apenas para além das montanhas e sombras… mas também no mais profundo dos corações.
Transpõem suas energias e faz brilhar em seus olhos e espíritos, como que tocados pelo fogo da Primeira Vida e assim todas as suas dádivas são resgatadas.

O tambor do coração chama, assim como a própria chama, encanta…
Os dias para a dança da vida e a Vida,
As noites para a dança dos sonhos e os Sonhos,
Os espíritos para dança do Grande Espírito, Wanka Tanka!

Alguns sentem, outros vêem, escutam e sonham, movimentam-se no Bem…
Todos dançam além das trilhas em direção à águia, suas visões, suas garras e asas, seus vôos…
Dançam pelo amor, pela luz, pela paz, começando no calor de seus próprios corações.
Dança que pulsa, se expande, toca todo o planeta, curando, vibrando, amando!

Então chega um ponto em que tornamo-nos;
Mais espíritos do que corpos,
Mais essência do que gestos,
Mais nós mesmos do que qualquer outra coisa.

E as vozes do tambor,
Tocam forte, cheios do viva, cheios do nato, cheios do Todo!
Na sutil dança do coração, entusiasmados, seguem…
Conduzidos à uma dimensão suprema e próxima.

Onde esquecemos:
Nossos próprios sofrimentos,
Nossas várias formas de fome.
Nossas muitas marcas e dores.

Onde estamos presentes,
Entregues, para além de nós mesmos,
E todos os passos tornando-se compaixão!”

Obrigado, Obrigado, Obrigado.

Kadoish, Kadoish, Kadoish, Adonai ‘Tsebayoth

13 de outubro de 2012

“Santo, Santo, Santo, O Senhor Deus dos Exércitos” . Mantra Hebráico trazido a nós pelo Mestre Ascensionado Paulo (apóstolo de Cristo). Ele e cantado pelo Coro Angélico do Trono de Deus. Cantado invoca as mais Altas Frequências e nos envolve com Graças, Amor e Proteção, nos guiando para o caminho da Ascensão. Utilize-o sempre para invocar a cura, limpeza e proteção.

Obrigado, Obrigado, Obrigado.

Ra Ma Da Sa Sa Say So Hung

2 de outubro de 2012

Ra Ma Da Sa Sa Say So Hung – Ra Ma Sá é como um diamante raro, que conecta com a energia curativa pura do universo. É um dos mantras mais poderosos conhecidos e é extraordinariamente eficaz para lidar com os desafios da saúde. Ele é poderoso. É universal. Ele funciona em muitos níveis, mental, espiritual, emocional e física. Você pode incutir a evolução da saúde em sua consciência, injetando essa vibração de cura forte em sua mente. Em seguida, suas ações e todo o seu ser obedecerão a esse pensamento. Para corrigir problemas de saúde, temos de alterar o processo do pensamento que traz a cristalização da consciência em diferentes formas de matéria e de ação.

RA – O princípio do fogo, o Sol. Ele purifica e energiza.
MA – O princípio da água, a Lua. MA convida o cosmos através do som da compaixão, fazendo o universo ser mãe e você a criança, e isso traz-lhe ajuda e cura. Ela é refrescante e estimulante.
DA – O princípio da Terra. Fornece o fundamento da ação.
SA – O princípio do Ar. É o infinito impessoal.

Quando o som ocorre no plano externo, torna-se “A”, o que representa a Manifestação. A primeira parte do mantra se expande em direção ao céu. Ao repetir o SA som como um momento decisivo, possibilita a descida do espírito à matéria, a fim de animar e revitaliza-la com a cura e a vida. Traz as qualidades curativas do mundo superior de volta para a Terra. A última estrofe da Tábua de Esmeralda do grande Hermes Trismegisto, revela o segredo da cura e da harmonia no plano material. Ele diz: “Suba com grande sagacidade, da terra para o céu, e novamente desça à Terra e una os poderes das coisas superiores e inferiores. Assim, você obterá a glória de todo o mundo e a escuridão se afastará de você. O segredo é a adaptação, transformando uma coisa em outra coisa.” Ra Ma Da Sa Sa Say So Hung transforma um corpo desequilibrado e doentio em um corpo harmonioso e saudável. Como na Estrela de David (dois triângulos entrelaçados) este mantra une o espírito com a matéria. Em seguida, SA SAY representa a totalidade da experiência, o sentido pessoal da Identidade. SO HUNG é o infinito, vibrante e real. Hung sugere Hu, que é a vida e presença de Deus em todas as coisas e em cada ser. O NG estimula e faz vibrar as glândulas divinas e seus chacras correspondentes. O som da respiração é HUNG. As duas qualidades de So Hung juntas significam “EU SOU TU”. Cantar esse mantra expande nossa consciência em direção ao infinito. Nós nos esquecemos que nossa essência é o infinito e o “Nada”, o poder criativo ilimitado do cosmo. Quando experimentamos nossa própria beleza e divindade, todo nosso potencial torna-se real no presente. Esses mantra maravilhoso queima a semente da doença, use-o todos os dias e ofereça-o sempre a todos, em momentos de angústia, desespero, medo ou preocupação, que ele seja sua fortaleza. Ele te encaminhará ao centro do seu Ser. Nas palavras de Yogi Bhajan, mestre em Tantra Branco e Kundalini Yoga, que abertamente tem ensinado esse mantra de cura para o mundo ocidental, “Ele tem trabalhado por 3400 anos, e por que não funcionaria agora? ” O mantra pode ser vibrado através da coluna vertebral chakra, por chakra. Focalize cada centro de energia enquanto canta cada som. Esta estimulação interna permite ativar e alinhar os chakras.

RA – base da coluna
MA – barriga (MA aa)
DA – umbigo centro
SA – coração Pausa – espera no coração
SA – coração
Say – garganta (digamos ay)
SO – terceiro olho
Hung – o topo da cabeça

Obrigado, Obrigado, Obrigado.

Aham Prema

24 de setembro de 2012

Aham Prema (ah-hum pray-mah), Eu Sou o Amor Divino. Este Amor Divino é a mais pura e elevada forma de amor, uma emanação radiante da Compaixão em Ação. Faz crescer, ampara e cura. Aham Prema. Aham Prema. Aham Prema.

Obrigado, Obrigado, Obrigado.

Guru Om

18 de setembro de 2012

Obrigado, Obrigado, Obrigado.

Om Namah Shiviya

13 de setembro de 2012

Obrigado, Obrigado, Obrigado.

Caminhos que se cruzam (16)

13 de setembro de 2012


SHIVA, seu nome significa amável, afetuoso, auspicioso. A Trindade Hindu é Brahma-Criador, Vishnu-Mantenedor e Shiva-Destruidor e Regenerador , o que se equivale a Trindade ocidental, Pai-Criador, Filho-Mediador e Espírito Santo-Consolador. Todos os três são manifestações de Brahman. Não confundir Brahma com Brahman. Brahman é Deus no princípio, com a palavra. A Trindade serve sob Brahman e a palavra. Brahman é a essência pura, Deus sem atributos. Brahman realiza-se a si mesmo e torna-se Brahma, Vishnu e Shiva, os três pontos da trindade. Isto é deus com atributos. A Mãe Divina é o principio feminino de cada aspecto de Deus. Shiva é o Espírito Santo que consome os focos de ignorância e anti-amor, Shiva é o destruidor da maldade, do ódio, da doença e dos demônios. Ele é também o alimentador que dá a longa vida, mas ele não dará este alimento antes de haver purificado a taça. Shiva atua no raio do amor intenso, amor consumidor. Quando invocar Shiva prepare-se para a purificação pelo Santo fogo do amor. Shiva é associado com a morte porque acima de tudo ele é o destruidor do ego humano e da mente carnal. Shiva também é a morte das mortes e o doador da imortalidade para seus devotos. Shiva freqüentemente aparece com a face branca como a neve, cabelos opacos, vestido com uma pele de tigre, como um yogi. Ele é amigo dos yogis e é quem os ajuda a atingir suas metas de realização em Deus. São yogis, todos aqueles que colocam sobre seus ombros o trabalho de Jesus que é luz e que é fácil. Shiva nos dá a força necessária para vencer a serpente do eu inferior para que possamos atingir a iluminação. Shiva é conhecido também como o distribuidor dos sete rios santos, isto significa que ele é quem distribuí a luz em nosso chakras e nos ajuda a controlar e equilibrar a luz em nossos chakras. Shiva nos dá a abertura do terceiro olho, isto representa a abertura do terceiro olho do conhecimento que destrói a ignorância. Shiva é o Senhor da dança. sua dança destrói os grilhões que aprisionam a alma. Ele dança triunfalmente sobre os demônios que personificam a ignorância e a ilusão. Quando dança, Shiva representa a verdade cósmica. SHIVA NATARAJA é a principal estatua de Shiva, Shiva Nataraja significa “Shiva, o Rei da Dança”, pois ele cria os universos, com sua dança frenética. A estátua apresenta Shiva dançando, com quatro braços. Esta dança chama-se Tandava. O primeiro braço, com a palma à frente, quer dizer: “Não vos atemorizeis com a mensagem terrível que vos trago, pois também apresento a solução”. O segundo braço segura um pequeno tambor que marca o ritmo da dança, e que quer significar: “Tudo no universo segue um ritmo, e está sujeito a uma ordem temporal”. O tambor representa também o som através do qual o universo foi criado. Com o terceiro braço, o que segura as línguas de fogo, Shiva diz: “Aproxima-se o tempo de destruir o que se construiu, para se completar o ciclo da criação. Assim como no passado o mundo antigo acabou-se pelas águas de um dilúvio, agora ele será destruído pelo fogo”. Os fachos de fogo ao redor da figura carregam a seguinte mensagem: “A redondeza da Terra será queimada pelo fogo”. Um pé está esmagando uma figura animalesca, que representa a natureza inferior e animal do homem. O quarto braço apresenta a salvação, ao apontar para o pé levantado, querendo dizer: “O homem não deve atender às solicitações das suas más inclinações, de suas más paixões, dos instintos bestiais, oriundos da sua natureza animal, inferior, e sim seguir sua natureza superior, espiritual: deve abster-se do ódio, dos vícios, dos excessos, obter o autocontrole. Seu pé esquerdo erguido mostra-nos que podemos elevar-nos e atingir salvação. Quando dança, Shiva representa a verdade cósmica. Shiva é o grande guru que vem para nos salvar da ignorância, do esquecimento e do ego humano. Seu terno amor liberta-nos de tudo que nos separa da unidade com ele. Diga SHIVA OM – SHIVA OM – SHIVA OM. SHIVA é o poder e OM é a materialização deste poder na terra. Repita este mantra varias vezes por dia, e principalmente quando estiver perante problemas como desordem, brigas, animais bravos, ladrões e etc. Grite por SHIVA e não se arrependerá de ver o seu poder de ordem em ação. Shiva deve ser visualizado também fazendo o mantra OM NAMO SHIVAYA, que significa eu me curvo diante de ti Sr. Shiva. Ao entoar este e outros mantras de Shiva visualize-o em torno de você. Enquanto entoa o mantra curve-se diante de Shiva. Visualize o fogo rubi em torno de Shiva e ao seu redor consumindo toda a imperfeição do seu ser. Espere pela união com Shiva através de sua devoção, invocações, mantras e visualização. Finalmente veja Shiva sobre você e você dentro dele. Como terceira pessoa da trindade hindu, ele destrói o universo ao final de cada era para que este possa ser criado de novo. Ele vem com fogo consumidor do amor divino que destrói o ódio , a maldade, os demônios e o ego humano, varrendo a terra do mal, não significando necessariamente a destruição do mundo físico pelo fogo físico mas sim a destruição do mal pelo fogo sagrado.


Obrigado, Obrigado, Obrigado.

Green Tara

11 de setembro de 2012

O Mantra da Alegria, Om Tare Tuttare Ture Soha. Superação do medo, da insegurança e da ansiedade,  eliminação de todo sofrimento.

Obrigado, Obrigado, Obrigado.

Ustad Sultan Khan

1 de setembro de 2012

“E quando ele me vê em tudo e vê tudo em mim
E eu nunca o deixei, e ele nunca me deixou
E ele que á unidade do amor, me ama em tudo o que vê
Onde quer que esse homem viva, na verdade, ele vive em mim
Forte é o elefante, mas você poderia dizer que é menos forte que o ouro? não não não é assim
Forte é a montanha, mas você poderia dizer que é menos forte que o raio? não não não é assim
Forte é a escuridão, mas você poderia dizer que é menos forte que a luz? não não não é assim
Forte é o esquecimento, mas você poderia dizer que é menos forte que o coração que te ama? não não não é assim
Eu habitei os Quatro Vedas e tirei deles sua plena significação
Percebi em minha mente que o segredo é o Amor do Senhor
Eu girei pelas Seis Filosofias e extrai delas sua essência
Eu aprendi o objetivo final de iogues e ascetas
Eu conheci a alegria da fusão em Brahman, o Senhor Sem Forma
Oh meus amigos, ele não está lá
Eu fui além de tudo isso através da graça dos Santos
Percebi em minha mente que o segredo é o Amor do Senhor
O segredo é o Amor
O Amor”

Obrigado, Obrigado, Obrigado

Snatam Kaur By Thy Grace

25 de agosto de 2012

É por tua graça que eu vejo
É por tua graça que eu vejo
É por tua graça que eu vejo o Seu Santo Nome

É por tua graça que eu sinto
É por tua graça que eu sinto
É por tua graça que eu sinto o Seu Santo Nome

Um dia chegará em que toda a Glória deva ser minha
As pessoas vão dizer que é Sua e eu vou negar, não minha

Allah, Jeová, Rama, Sa Ta Na Ma

Paz a todos
Vida a todos
Amor para todos

Obrigado, Obrigado, Obrigado

Kyrie Eleison (Senhor Tende Piedade)

17 de agosto de 2012

HeavenlyJoy.mp3

Mantra das 8 oferendas do Lótus do meu coração

13 de agosto de 2012

Obrigado, Obrigado, Obrigado.

Om Tare Tuttare Ture Soha

13 de agosto de 2012

Ao orarmos a Tara e recitarmos seu mantra recebemos suas bênçãos; pela penetração das bênçãos de Tara no nosso coração somos capazes de gerar todo o caminho para a iluminação. Ao gerarmos o caminho – método e sabedoria – nas nossas mentes, o nosso corpo, nossa fala e nossa mente impuros purificam-se e se transformam no corpo, fala e mente sagrados de Tara.

“Om” contém três sons Ah Oh Mm e significam as imensuráveis qualidades dos corpos, da fala e das mentes dos seres iluminados.
“Tare” aquela que Liberta.
“Tuttare” que elimina todos os medos.
“Ture” que concede todo Sucesso.
“Soha” Possam as Bençãos de Tara que estão contidas no mantra om tare tuttare ture se enraizarem nos nossos coraçoes

Obrigado, Obrigado, Obrigado.

Vajrakilaya Mantra

13 de agosto de 2012

O Mantra Vajrakilaya no Budismo Tibetano é considerado um dos mais poderosos mantras para dissolução de obstáculos em sua vida.

Obrigado, Obrigado, Obrigado.

Shimshai – Suddhosi

24 de julho de 2012

Obrigado, Obrigado, Obrigado.

Krishna Mula Mantra Energy Activation – Om Kleem Krishnaya Namah

24 de julho de 2012

Obrigado, Obrigado, Obrigado.

Caminhos que se cruzam (3)

13 de junho de 2012

“Eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância” VM Jesus
.

Obrigado, Obrigado, Obrigado.

Deva Premal Om Mani Padme Hum

12 de junho de 2012

OM – Dissolve o orgulho
MA – Liberta do ciúme e da luxuria
NI – Consome a paixão e os desejos
PAD – Elimina a estupidez e danos
ME – Liberta da pobreza e possessividade
UM – Consome a agressão e o ódio.
Obrigado, Obrigado, Obrigado.

Caminhos que se cruzam

11 de junho de 2012

UCEM:
“Estender-se é um aspecto fundamental de Deus, que Ele deu a Seu Filho. Na criação, Deus estendeu-Se às Suas criações e as imbuiu da mesma Vontade amorosa de criar. Tu não só foste plenamente criado, como foste criado perfeito. Não há nenhum vazio em ti. Devido à tua semelhança com o teu Criador, és criativo.”

OM PURNAM:
Om Purnam adah purnam idam
Om Purnam adah purnam idam
Purnat purnam udacyate
Purnasya purnam adaya
Purnam evavasisyate!

“A personalidade de Deus é perfeita e completa.
E por ser completamente perfeito, todas as emanações Dele, tais como este mundo fenomenal, são perfeitamente equipadas como Todos completos!
TUDO que é produzido do todo completo também é completo em si mesmo!
Porque Ele é o todo completo, muito embora muitas unidades completas emanem Dele, Ele permanece o equilibrio completo!”
.
Obrigado, Obrigado, Obrigado.
.

Gayatri Mantra – Deva Premal & Miten

11 de junho de 2012
Om bhur bhuvaha svaha
Tat savitur varenyam
Bhargo devasya dhimahi
Dhiyo yonah prachodayat
.
Ó deus da vida que traz felicidade
Dá-nos tua luz que destrói pecados
Que a tua divinidade nos penetre
E possa inspirar nossa mente
.
Obrigado, Obrigado, Obrigado.
.