Osho Zen Tarot Carta do Dia 9 de Agosto de 2012, quinta-feira, “Não Materialidade”


“Encontrar-se “no vazio” pode ser desorientador e até assustador. Nada em que se apoiar, nenhum sentido de direção, nem mesmo um indício a respeito de quais opções e possibilidades poderiam estar à frente. Era, porém, exatamente esse estado de potencialidade pura que existia antes que o universo fosse criado. Tudo o que você pode fazer agora é relaxar no seio dessa não-materialidade… mergulhar nesse silêncio entre as palavras… observar esse vazio entre a expiração e a inspiração, e guardar o tesouro de cada momento vazio da experiência. Alguma coisa sagrada está para nascer.”
“Buda escolheu uma das palavras que realmente trazem em si um grande potencial, SHUNYATA. A palavra inglesa, o equivalente inglês ´nothingness´ [nada], não é uma palavra tão bela. Por esse motivo é que eu gostaria de transformá-la em ´no-thingness´ (não-materialidade), porque o “nada” de fato não é exatamente um vazio: ali se encontra potencialmente o “tudo”. Nele, vibram todas as possibilidades. Trata-se de potencial, potencial absoluto. Ainda não está manifesto, mas tudo está contido ali. No princípio é natureza, no final é natureza. Então, por que criar tanta confusão no meio do caminho…? Por que ficar tão preocupado, tão ansioso, com tantas ambições, no meio do caminho, por que criar tamanho desespero? Toda a jornada é da não materialidade à não-materialidade. Osho
Obrigado, Obrigado, Obrigado

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: