Ó Grande Espírito

Ó Grande espírito, cujo, a voz ouço nos ventos,
Cujo sopro anima o mundo
Ouça-me sou pequeno e fraco, preciso da sua força e sabedoria
Altíssimo, permita que eu caminhe na beleza…
E faça com que minhas mãos respeitem todas as coisas
Que o senhor ensinou a meu povo.
Faça com que meus olhos contemplem para sempre
O vermelho e a púrpura do sol poente.
Permita que eu aprenda os ensinamentos
Que o senhor revelou em cada folha e em cada pedra
Busco força, não para ser maior que meu amigo
Mas para lutar contra meu maior inimigo, Eu mesmo…
Permita que eu esteja sempre pronto para ir até o senhor
De mãos limpas e olhar firme
Assim, quando minha vida estiver no ocaso, como o sol poente
Que meu espírito possa ir a sua presença
Sem nenhuma vergonha.
Obrigado, Obrigado, Obrigado

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: